Translate

terça-feira, 15 de outubro de 2013

STEPEHN HAWKING - UMA BIOGRAFIA

 


Já tem algum tempo que  não escrevo, sempre em função dos compromissos na faculdade, mas recentemente li a biografia de Stephen Hakking, que recomendo a todos. Uma historia surpreendente do homem que detem uma das mentes mais brilhante dos tempos moderno. Abaixo segue um pequeno resumo da vida deste grande cientista, que recomendo a leitura a todos que me acompanham. 
 
Stephen Hawking nasceu em 8 de janeiro de 1942 em Oxford, Inglaterra, e estudou Física na University College. Durante sua graduação, descobriu ser portador de esclerose amiotrófica lateral ou doença de Lou Gehrig. Por volta de seus 20 anos de idade passou a ter dificuldades em tarefas de rotina, como amarrar seus sapatos, dificuldade de locomoção, caía muito, mas sem motivo aparente, sua fala as vezes se manifestava de forma anormal. 
 
 
Poucos dias após completar 21 anos de idade, foi internado para fazer exames no intuito de diagnosticar o que realmente ocorria com seus organismo e, duas semanas depois, recebeu alta, prosseguindo seus estudos. Os médicos que examinaram Hawking concluíram que ele teria apenas mais 2 anos de vida e, por ironia do destino, esse brilhante cientista hoje está com 66 anos de idade. 

A esclerose amiotrófica lateral é uma doença degenerativa crônica que compromete os neurônios motores, atrofiando os músculos e interferindo nos movimentos das extremidades até atingir a musculatura do pescoço e cabeça, dificultando a locomoção, movimentos e, no estágio terminal, a respiração. 


Hawking não consegue mais falar e nem movimentar seus dedos, que até tempos atrás permitiam com que usasse um teclado interligado a um sintetizador de voz. Utilizando cadeiras de rodas há décadas, hoje se comunica com o sintetizador de voz aplicado na armação de seus óculos, que identifica sua fala pela movimentação dos músculos da face, com auxílio de raios infravermelhos.

 



Como a doença não compromete a lucidez,  ele mantém o intelecto perfeitamente ativo e funcional – o mundo academico que o diga: é considerado hoje o maior físico teórico da atualidade, tão brilhante quanto Einstein ou Newton, sendo ele quem comprovou que um pequeno feixe de luz consegue escapar dos buracos negros. Ele é, ainda, doutor em Cosmologia, professor de Matemática na Universidade de Cambridge e autor dos livros: Uma Nova História do Tempo; Uma Breve História do Tempo; O Universo numa Casca de Noz; Buracos Negros, Universos-Bebês e outros Ensaios e George e o Segredo do Universo, com co-autoria de Lucy Hawking, sua filha. Hawking foi casado duas vezes, vivendo atualmente com a segunda esposa e tem, além de Lucy, dois filhos e um neto.

 

Hawking acredita que a raça humana deve viver no espaço nos próximos séculos e que este fato “vai alterar completamente o futuro da espécie humana ou talvez até determinar se temos mesmo um futuro". Assim, defende investimentos na construção de colônias no espaço, como forma de prevenir a possibilidade da humanidade ser eliminada por catástrofes naturais e/ou humanas.  Em abril de 2007, ele participou de experiencias de simulações de ausencia de gravidade e pretendia fazer uma viagem espacial programada para 2009.
 
Boa leitura.