Capitães de Areia


Meus amigos, hoje li um dos clássicos da literatura brasileira, "Capitães de Areia" de Jorge Amado, um dos escritores mais influentes na história literária do Brasil, no século XX.
Esta obra é um romance que nos mostra como sobrevive a população realmente pobre, na Bahia, então Jorge Amado para nos transmitir toda esta idéia de vida a um grupo de garotos, os Capitães de Areia, esta pequena 'tribo' era composta inicialmente por quatro integrantes, Pedro Bala que sempre foi o líder desse grupo e como prova de toda sua coragem tinha um cicatriz de navalha que atravessava todo seu rosto, Pirulito era representado pelo seus forte grau de religiosidade fazendo-o rezar todas as noites pedindo para que Deus livrasse ele de todos seus pecados, Professor era o unico letrado de todo o grupo e por isso sempre foi o mais sensato nas decisões e o sedutor Gato que obteve este apelido por ter a facilidade de conquistar qualquer pessoa.
Estes eram os quatro componentes deste grupo de baianos, procurados pelas polícia, pelo fato de serem pessoas que por não ter o que comer, vestir, beber, entre outros, tinham que roubar carteiras, dar golpes em pessoas mais bem sucedidas, esta era a vida dos Capitães de Areia e de seu líder Pedro Bala.
Certamente ninguém gostava desses garotos, mais como em todo o mundo sempre existe uma excessão chamada Dora, uma garota capaz de qualquer negócio para fazer para da 'tribo' Capitães de Areia, a principio Pedro Bala já com novos integrantes como João Grande, Boa-Vida e Sem pernas, não aceitou a presença de uma mulher no grupo, pois pensava que as mulheres fossem inferiores aos homens, então Dora com toda sua garra começou a mostrar ao chefe do grupo que tinha condições de ser a única senhorita dentro dos Capitães de Areia.
Estava formada uma nova tropa agora composta por Pedro Bala, Pirulito, Professor, Gato, João Grande, Boa-Vida, Sem Pernas e Dora, tropa esta que iria sofrer, principalmente no momento em que Pedro Bala fosse preso, levando Dora a uma depressão que há coloca em uma cama de hospital na espera do seu grande amor Pedro, que fugiria da prisão atrás de sua paixão Dora. Foi até o hospital, lá estava ela com febre e realmente destruida, mas ao ver Pedro levantou-se como se o mau estar tivesse acabado, toda esta felicidade durou pouco eram as ultimas horas de vida da amada guerreira e apaixonada Dora.
E assim foi se acabando o grupo Capitães de Areia, os garotos foram tomando juizo e resolveram estudar e ser alguém nesta longa vida que teriam pela frente, e Pedro Bala seguiu sua vida mas sem nunca esquecer de seu grande e verdadeiro amor, Dora.
Um livro fantástico por toda sua emoção e toda sua critica social, recomendo a todos.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas