São Bernardo


Na publicação de hoje vou escrever sobre o livro “São Bernardo” de Graciliano Ramos. Este livro é um clássico da literatura brasileira e esta sempre caindo nas provas de literatura nas escolas. Antes de comentar sobre o livro vou contar sobre o autor. Graciliano Ramos nasceu no dia 27 de outubro de 1892, na cidade de Quebrangulo, sertão de Alagoas, filho de Sebastião Ramos de Oliveira e Maria Amélia Ferro Ramos. Viveu sua infância nas cidades de Viçosa, Palmeira dos Índios (AL) e Buíque (PE). Apesar de ter nascido em Alagoas, constrói sua carreira na cidade do Rio de Janeiro
Mesmo morando no Rio de Janeiro Graciliano Ramos nunca esqueceu a sua terra natal. Aquele sertão pobre onde viveu com sua família boa parte de sua vida. Como escritor e jornalista. Graciliano escreveu durante sua vida inúmeros livros, sempre contando momentos que vivenciou ou que tomou ciência. Entre esses livros escreveu “São Bernardo”, um clássico da literatura brasileira, no qual ele conta a história de Paulo Honório, um homem dinâmico, empreendedor, dominador, obstinado com a vontade de se tornar fazendeiro. Com instinto para negócios, Paulo Honório viveu de pequenos biscates pelo sertão até se aproveitar das fraquezas de Luís Padilha - jogador compulsivo. Comprou-lhe a fazenda São Bernardo onde trabalhara anos antes.
Paulo Honório não sabia muito de seus pais nem de sua infância. Lembrava-se apenas de uma mulher que vendia doces, de nome Margarida, a quem agora ele sustentava.
Em uma de suas viagens a Maceió, encontrou um velho simpático chamado Ribeiro, guarda-livros da Gazeta. Resolveu levá-lo para a fazenda para que ele pudesse regularizar toda a documentação e lentamente tudo foi se organizando.
Com a posse da Fazenda São Bernardo, tudo começou a funcionar como Paulo Honório previa e ele se tornava cada vez mais importante e respeitado na região. Alguns o criticavam, pois alegavam que desejava possuir o mundo todo, com suas espertezas.
Paulo Honório mandou construir uma estrada, uma escola e uma igreja na Fazenda São Bernardo. Recebeu visita até do Governador do Estado e mandou buscar Luís Padilha, o antigo dono da fazenda, para lecionar na escola construída.
Tinha uma idéia perseguia e martelava a cabeça de Paulo Honório: a de se casar. Queria um herdeiro para sua fazenda, garantindo assim o futuro de São Bernardo
Numa noite, foi visitar o juiz Dr. Magalhães com a desculpa de um processo que estava em suas mãos, mas na verdade tinha interesse na filha do magistrado, D. Marcela. Chegando à casa do juiz encontrou muita gente e, entre outras pessoas, uma loirinha chamada Madalena, uma professora da escola normal, que o deixou impressionado, Tempos depois pediu Madalena em casamento e o Padre Silvestre os casou. O inicio foi tudo bem, como Paulo imaginava que seria.
Com o passar do tempo, a relação entre eles começa ficar alterada. Madalena por não concordar com os modos que o marido trata os funcionários tem com ele várias discussões, o que desperta em Paulo um ciúme intenso da esposa. A partir daí passa a maltratá-la com ofensas e humilhações e nem o nascimento de um filho do casal altera a situação.
Paulo observava o filho que nada tinha de parecido com ele. Ele passa a duvidar da fidelidade da esposa. A situação foi-se agravando. Paulo Honório desconfiava até do padre e dos caboclos. Estava quase louco. À noite, ouvia passos e assobios que acreditava serem sinais. Não dormia. Madalena, nas conversas, mantinha-se serena. Só dizia que caso morresse de repente queria que dessem seus vestidos à família do Mestre Caetano e a Rosa; e os seus livros ao seu Ribeiro, Padilha e Gondim. A vida angustiada e o ciúme exagerado de Paulo Honório acabam desesperando Madalena, levando-a ao suicídio.
Após a morte da esposa, Paulo Honório parecia não se incomodar mais com nada.
Então, pouco a pouco, os empregados abandonam a Fazenda São Bernardo. Os amigos já não freqüentam mais a casa. Uma queda nos negócios leva à fazenda a ruína. Sozinho, Paulo Honório vê tudo destruído e, na solidão, procura escrever a história da sua vida.

Um livro fantástico.

Recomendo a todos.

Comentários

Postagens mais visitadas